verificador pinterest Casa, Coisas e Sabores: Molho de tomate caseiro

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Molho de tomate caseiro


Você já fez alguma vez seu molho de tomate em casa? Comprar pronto é infinitamente mais fácil, mas o trabalhinho - é pouco! - que dá de fazer em casa compensa: o molho fica bem mais gostoso e saudável. Fora que a grande vantagem das receitas caseiras é fazer a nosso gosto, com o tempero que a gente quiser, mais pedaçudo, mais ralinho... Eu adoro essa liberdade de ter algo do meu jeito, e não do jeito que a indústria de alimentos quis. Veja a seguir como fazer seu molho de tomate caseiro. Tenho certeza que, mesmo que não vire regra, você vai querer preparar um desses de vez em quando.

Aproveitei uma promoção de tomates italianos para comprar de quilo e fazer molho. Eles estavam ao mesmo preço do tomate comum, irresistível. O tipo italiano é o melhor para fazer molho, pois são menos aguados e menos ácidos. No entanto, garanto a você que o molho feito com tomates comuns, daqueles que compramos na feira da semana, ainda fica infinitamente melhor do que o molho pronto, então, não desanime por não ter o tomate italiano.


O molho de tomate caseiro congela lindamente. Dito isso, a dica é aproveitar quando o tomate estiver a bom preço, comprar de quilão e fazer estoque de molho. Tomate madurinho é o melhor para fazer molho, por isso não torça o nariz para os tomates meio feiosos, que você não compraria para fazer salada... eles são ótimos para molho.

Molho de tomate caseiro
(Rende cerca de 500 ml de molho)

1 kg de tomate italiano (ou mesmo do comum)
3 dentes de alhos
1/4 de cebola pequena
1 galho de salsinha (ou orégano, ou manjericão - pode ser um pouco do seco)
1 colher de sopa de azeite
1 colher de chá de vinagre balsâmico (opcional)
1 pitada de açúcar
Sal e pimenta do reino a gosto

Preparando os tomates: para tirar a pele, faça um corte superficial em cruz no fundo de cada tomate. Coloque os tomates em água fervente e deixe por uns 2 minutos. Retire-os do fogo e coloque, tomate a tomate, em um recipiente com água gelada. A pele solta feito mágica, é só puxar. Abra cada tomate na metade, pelo comprimento e corte o miolo branco do meio. Eu gosto de deixar um pouco das sementes, se o tomate estver bem maduro, porque acho que dá um saborzinho e textura. Então, retiro apenas parte das sementes de forma bem grosseira, cavando com o dedo. Se preferir, retire as sementes completamente. Corte cada metade de tomate ao meio.
Molho: retire a casca do alho e dê um "amassão" em cada dente. Retire a casca da cebola. Leve os tomates ao processador - ou liquidificador ou mixer - junto com a salsinha e triture até a consistência desejada. Se quiser um molho mais pedaçudo, como o meu, triture brevemente. Se quiser um molho mais liso, triture bem (e deixe sem sementes), para desfazer os pedaços. Leve o tomate triturado a uma panela, em fogo médio, e acrescente os dentes de alho e o pedaço de cebola - vão inteiros, vamos retirar depois -, o açúcar (para quebrar a acidez), o azeite, o vinagre, o sal e a pimenta do reino. Misture e vá mexendo de vez em quando. Quando começar a ferver, baixe o fogo para o mínimo. Deixe cozinhar por 20 a 30 minutos, dependendo se gosta de um molho com paladar mais "fresco" ou cozido. Descarte os dentes de alho e o pedaço de cebola antes de usar.


Para congelar, coloque o molho recém-preparado em um pote com tampa - sabe aqueles potes plásticos descartáveis que vêm com coisas à granel do supermercado? São ótimos para a função, pois o molho de tomate mancha o plástico e não queremos isso para os potes novos -, etiquete e leve ao freezer. Na hora de usar, uma vez descongelado, não pode voltar ao freezer, por isso é boa ideia já congelar nas porções que você costuma usar de uma vez. Como etiqueta, tenho um rolo de fita crepe que escrevo com caneta, rasgo e colo no pote. Mais prático impossível e a fita crepe sai facilmente depois. O molho pode ser congelado por até 3 meses.

Se você ficou na vibe do caseiro, pode usar esse molho com uma massa caseira para ravióli ou mesmo para sua pizza caseira.

Confira o post original publicado pelo Casa, Coisas e Sabores: Molho de tomate caseiro.

Se você gostou dessa postagem e achou o conteúdo relevante - portanto, que pode ser aproveitado por outras pessoas que estejam procurando sobre esse assunto -, mostre sua recomendação clicando no botão igual a este   localizado no final da postagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou da postagem? Tem mais alguma dica para passar? Ficou com dúvidas? O espaço dos comentários está aberto para todos trocarem uma ideia :)

Gerar PDF da postagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...