verificador pinterest Casa, Coisas e Sabores

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

O que não pode faltar na despensa


Acho que todo mundo que gosta de cozinhar tem seus ingredientes queridinhos. Mais: aqueles ingredientes que, se estão em falta, te deixam perdido na cozinha. Parece que nada vai sair por causa da falta daqueles benditos ingredientes. Você também é assim, tem os seus ingredientes que não podem faltar na geladeira e/ou despensa? Faz loucuras para que nunca faltem? (Diz que sim, senão vou achar que tenho problemas, haha). Vou contar um dos meus mais amados, que nem é tão óbvio assim: limão. Fico sem pai nem mãe se faltar limão em casa. Também, aqui limão é pau pra toda obra. Vai em doces e salgados - carnes, saladas, sopas - quase na mesma proporção. Coloco limão em tudo! A seguir, conto mais dos meus ingredientes mais usados e quero saber os seus também. Bora começar a terapia coletiva! Rs.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Doce de banana em calda


Simples, fácil de fazer, muito caseiro e gostoso. Por que o doce de banana em calda ainda não tinha aparecido por aqui, hein? Muita injustiça. Sabe aquelas bananas maduras demais para comer? São perfeitas para essa receita. Aliás, toda vez que você vir bananas querendo ir para o céu das frutas você vai lembrar desse doce. Talvez porque fique uma delícia e é sempre bom arrumar uma desculpinha para fazer, rs. Apesar do caramelo - sim, a banana é caramelada, chora de alegria -, ainda é uma receita muito fácil, praticamente junta tudo e tá pronto. Veja, a seguir, como preparar.

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

Costela bovina desossada na pressão (com cerveja preta)


Saborosa por si só, a costela bovina é uma carne que dá um caldo, literalmente. Fica ótima em preparos com molho, para acompanhar de purê, polenta ou mesmo arroz branco. Essa foi a escolha para essa costela na pressão, bem simples e, tirando o tempo da panela, rápida também. A vantagem é que, quando a carne fica pronta, praticamente tudo está pronto, pois não pede muitos acompanhamentos. Só o tradicional arroz branco, já citado, basta. Neste caso, usei costela desossada, mas nada impede de usar a carne com osso, que confere um sabor a mais ao molho. Veja a seguir como é simples preparar esse prato substancioso e bem caseiro. Quem não gosta? (A maioria, pelo menos, gosta, rs).

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

Farofa de cuscuz com castanha de caju


Farofa é um acompanhamento que (quase) todo mundo gosta e que é muito fácil e rápido de fazer. Mas tem jeito de conseguir algo diferente, para não ficar a mesma farofa de sempre? Ô, se tem. A dica de hoje é fazer a troca da farinha de mandioca pela farinha de milho para cuscuz. A gente jura que ama a farofa tradicional, mas, às vezes, é bom dar um respiro nessas relações e experimentar coisas novas (polêmica!!!). Rsrsrs. A farofa de cuscuz acompanha lindamente os peixes - foi a aposta para essa receita da foto -, frango, carne bovina e até porco. É pau para toda obra porque, na minha modesta opinião, milho combina com tudo. Veja a receita a seguir, é quase uma dica de tão fácil.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Brigadeiro tradicional


Tem receita mais batida que essa? Ainda assim, muita gente não sabe fazer brigadeiro, porque, apesar de ser aparentemente fácil, tem seus truques. Apesar de batida, a receita do brigadeiro tradicional nunca tinha aparecido por aqui. E falo que é tradicional só por falar mesmo. Tradicional na minha casa, vamos dizer assim, rs. Há uma infinidade de receitas, com ingredientes e jeitos de fazer diferentes, e o importante mesmo é chegar no resultado de que mais gosta. Vou mostrar a seguir o jeito que eu faço brigadeiro, recomendo, pois fica bem gostoso. De toda forma, testar uma nova receita é uma boa desculpa para comer brigadeiro, rs.

Gerar PDF da postagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...