verificador pinterest Casa, Coisas e Sabores: Blogagem coletiva: encantamento e um rocambole de chocolate fácil

quinta-feira, 15 de março de 2012

Blogagem coletiva: encantamento e um rocambole de chocolate fácil


Como diz um famoso bloco de Carnaval aqui do Rio de Janeiro, simpatia é quase amor e - acrescento - o encantamento é o primeiro passo. Nesta primeira fase da Blogagem Coletiva Amor aos Pedaços (BCAP), organizada pelas mesmas responsáveis da Blogagem Coletiva Fases da Vida, foi proposto esmiuçar o amor, pedaço a pedaço, começando pelo Encantamento. Para não fugir da cozinha, conto do meu amor às panelas e como tudo começou, através da reprodução de uma das primeiras receitas que eu lembro de ter feito: o rocambole de chocolate fácil. Engraçado ver como tudo se transforma, mesmo sem planejar, acabou saindo uma releitura. O amor é assim, é humano e muda, se transforma, cresce...

Vi a receita do rocambole de chocolate fácil na TV e corri para anotar, pois, criança que era, achei maravilhosa aquela preparação que não ia ao fogo/forno nem nada. Era receita indicada para crianças e, criança que eu era, copiei em detalhes em uma folha de caderno e coloquei na gaveta da cozinha. Sim, estávamos na era pré-internética (sou velha?).

Se não me engano, a receita era o dobro dessa, levava duas latas de leite condensado. Minha mãe não gostou muito da ideia, o rocambole era bem "gordo" e saía meio caro - era época de inflação alta no Brasil e, acredite, ir ao supermercado não era festa. Mas eu estava encantada com a chance de fazer uma receita toda sozinha, bati pé e mamis cedeu. Minha irmã caçula ficou por ali, mais preocupada em lamber as vasilhas. Ficou certinho e gostoso. Eu, toda boba. Minha mãe, sob meus protestos, jogou a receita anotada fora, para não correr o risco de eu querer fazer de novo.


Com a internet facilitando tudo, consegui achar a receita que - se a memória não me falhou - é a mesma que fiz naquela época. Refazendo a receita, revivi o mesmo encantamento daquela época e percebi como é importante você lembrar os motivos do começo do amor. Adulta, entendi porque minha mãe jogou a receita fora, vou fazer o mesmo.

Rocambole de chocolate fácil

Massa
1/2 lata de leite condensado
10 colheres de sopa de leite em pó
6 colheres de sopa de chocolate em pó
1 colher de sopa de manteiga (em temperatura ambiente)

Recheio
1/4 de lata de leite condensado
2 colheres de sopa de coco ralado
2 barrinhas de cereal esmigalhadas (usei de castanha e nozes, sem chocolate)
1 colher de sopa de manteiga (em temperatura ambiente)

Massa: em um recipiente, misture o leite em pó, o chocolate e a manteiga. Acrescente o leite condensado aos poucos, formando uma massa consistente (pode ser que se use menos leite condensado). Coloque em um saco plástico de culinária e leve à geladeira enquanto prepara o recheio.
Recheio: em um recipiente, misture todos os ingredientes.
Montagem: abra a massa entre dois plásticos (usei um saco de culinária aberto). Pode abrir até com as mãos, mas, como estava muito quente, usei o rolo para a massa não "derreter". Espalhe o recheio sobre a massa aberta e enrole como um rocambole, com a ajuda do próprio saco plástico aberto. Leve à geladeira e espere pelo menos 30 min até servir. Conserve na geladeira.

Não vou enganar ninguém: o rocambole é melequento e doce de doer. Delícia (mas já joguei a receita fora). Estava tão quente na hora que fiz que era só tirar da geladeira e a massa ficava molenga, foi dureza de enrolar. Da série aprender com os erros (seus ou dos outros): achei que tinha todos os ingredientes e, na hora do "vamovê", estava faltando. O chocolate em pó estava quase acabando e o coco do recheio, só no fundinho do saco. Improvisei o recheio acrescentando o cereal, mas era para ter só coco ralado. Ainda bem, com cereal ficou muito bom.

Se você gostou dessa postagem e achou o conteúdo relevante - portanto, que pode ser aproveitado por outras pessoas que estejam procurando sobre esse assunto -, mostre sua recomendação clicando no botão igual a este   localizado no final da postagem

--------------------------------------------------------------

A receita original, que me encheu de alegria quando encontrei, é ESSA.

Para conferir as outras participações da BCAP, visite os blogs Publicar para Partilhar, Luz de Luma ou Espiritual-idade.

23 comentários:

  1. Olá, querida amiga Adri

    "Somente quem ama e se permite amar
    é que detém o tesouro do
    verdadeiro
    AMOR!
    (Kiro)

    Mais uma emoção rola no ar... que maravilha poder contar com tanta gente impregnada de amor!!!
    Encantada por assim dizer... Enamorada pela vida...
    Amando o amor...
    E pelo Amor sendo amada...

    Menina!!! Que co relação com o Encantamento!!! Chocolate tudo a ver com a tal fase...
    A minha fase, como não passa... vivo contornando a serotonina com alguns deles... e "o encantamento jorra de minha alma inocente"...
    Doce a sua participação... obrigada,viu???

    "Orvalhou o próprio Céu ante a face do Senhor"...
    Bjm encantado e tenha um dia amorizado.

    ResponderExcluir
  2. Ah viajei no tempo agora, faz uns 15 anos que fiz uma receita assim, foi uma aluna de inglês que me passou na época... delícia... bjo

    ResponderExcluir
  3. E que doce participação! Quem gosta do oficio de cozinhar continua cozinhando sempre! Seu blog é uma doçura e esse rocambole é de deixar diabética como eu que adoro doce, em coma. parabéns pela sua postagem! Um encantamento especial! obrigada por passar lá em casa! Beijão!

    ResponderExcluir
  4. Adri, minha querida que delicia de rocambole é esse my God!!! kkkkk
    É calórico? É, mas que é bem tentador é, e vou ver se faço meia receita será que dá certo? kkkk Pois eu vou ficar com vontade oras bolas!! E sua mãe tinha razão, tem que jogar fora mesmo a receita, antes, claro, vou copiar e passar para a minha pastinha hihihi. Adorei sua participação , é uma história de amor que levamos a vida inteira e ainda a mantemos quando preparamos algo para os nossos queridos né? Linda participação. E ó, obrigada pelo rainha, princesa querida...bjocas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Josy, acho que meia receita vai dar um rocambolezinho do tamanho certo de matar a vontade :-) Se você fizer o recheio todo de coco, vai 1/4 de lata de leite condensado e 50g de coco para meia receita :-) Joga a receita fora depois, miga, vai por mim, hehe. Beijinho!

      Excluir
  5. Adri, esse é o charme de um blog, esse canal de compartilhamento e troca de experiências, boas ou más... Resgate das sensações da infância, desafios vencidos, procura por algo que fazia parte de um repertório e por fim o desfecho de entender o motivo de quem (talvez?) um dia não teve sua atitude (sabedoria!) compreendida. É, o cozinhar faz e trás muita coisa. Lindo texto, envolvente, cativante. Deixa o rocambole ser melequento, lariquento. Ele é para o paladar infantil, doce como as percepções de quando somos novinhos.

    Adorei a visita, um grande beijo!

    ResponderExcluir
  6. Meu Deus! Daqui a pouco a cadeira vai quebrar... Nem acabei as visitas da BCAP e já provei pãozinho, pudim, amor em pedaços e agora rocambole de chocolate... Bom demais! Brilhante a sua participação! E seu blog é muito bom! Estou encantada! Bjks Tetê - Avaliando a Vida

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. No link devia ter um aviso: "Este post lhe causará fome de comer rocambole." (*Rs) Apesar da dieta. Ai ai...=)

    Delicada sua participação na coletiva em abordar os segredos da cozinha.

    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  9. Vim conhecer o seu blogue. O Rocambole em Portugal chamamos-lhe torta, parece ser deliciosa.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  10. Nossa, assim você nos mata de desejo. Que delícia!
    http://anabelaemblogagenscoletivas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  11. Amor de tantos anos só pode ser boa mesmo. Vou fazer com toda a certeza.

    Respondendo aqui o que vc perguntou lá: O sininho dos ventos era um mimo que eu tinha no blog, que por um tempo tinha removido e agora já há uma semana coloquei de novo. Sentia falta dele...me acalma!

    Bjs

    ResponderExcluir
  12. Meninas, vi que o rocambole causou comoção generalizada, rs...talvez pela visão melequenta (e lariquenta, como disse a Sandra, rs) do leite condensado escorrendo pelo chocolate, mas muito também pelas lembranças e sentimentos que algo tão doce desperta na criança que um dia fomos, que ainda está dentro de nós. E adultas, todas nos encantamos por esse brilho doce, como se tivéssemos 5 anos :-) Deus permita que eu me encante sempre pela vida, como se visse tudo com os olhos de uma criança :-)

    Obrigada por todas as visitas e recadinhos, e a blogagem já começa maravilhosa!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Hahahaha, me veio na hora minha filha de 09 anos que anota tudo e todos dias quer fazer uma receita nova...Nessas férias pedi para não fazer bolo a cada dia, pois estava adorando essa fase de comer bolo à tarde com chá assistindo filme, feito pela minha filha, pode?
    Essa fase do encantamento é explorar tudo aquilo que não pode.Eu simplesmente fiz todas as suas vontades, já que eu não gosto decozinha, ela gosta, maravilha, apoiado...
    Adorei!!!
    Paz e bem

    ResponderExcluir
  14. Bel, olha aí a blogueira de culinária do futuro! Pois eu era igual a sua filhota, vivia inventando moda, dizia minha mãe, rs. Já tem a cozinheira da família, toda família precisa ter alguém encantado (e que encanta) pelas panelas :-) Beijão!

    ResponderExcluir
  15. Sensacional Adri!
    Li todo o texto com sorriso nos lábios e soltei 2 ou 3 gargalhadas fortes na hora em que você falou:
    «Adulta, entendi porque minha mãe jogou a receita fora, vou fazer o mesmo.»
    «Não vou enganar ninguém: o rocambole é melequento e doce de doer. Delícia (mas já joguei a receita fora).»

    Também sempre me encantei pela cozinha e minha criatividade culinária já vem de garotinha. Eu brincava com restos de vegetais que minha avó me dava e falava para todo o mundo que ia abrir um restaurante.
    Adorei a originalidade do seu post. Muito inteligente da sua parte juntar a temática do blog à BC dessa forma genial.
    Bravissimo, Adri!
    Beijinhos.
    Rute

    ResponderExcluir
  16. Esses encantamentos gustativos são de enlouquecer, Adri.E, não há quem( formiguinha como eu)resista a esta visão suculenta.
    Precisamos mesmo ter cuidado com estes encantos do paladar(rs).
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  17. Que encantamento calórico amiga!!!!Estou participando com dois blogs,tentando mostrar algo mais sobre a fase do encantamento comum a todas nós!!!http://zildasantiago.blogspot.com
    http://rumoslibertadores.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Que perdição!!
    Imaginei o que a sua mãe pensou enquanto você preparava a iguaria.
    Mães são anjos protetores!!
    Estou pensando duas vezes, se levo ou mão a receita! :)
    Adri, obrigada por participar da coletiva!! A chamada para a segunda fase foi lançada e a convido mais uma vez a se juntar à nós!!
    Boa semana!! Beijus,

    ResponderExcluir
  19. Zilda, obrigada pela visita!

    Luma, pensa bem se vai levar mesmo essa receita "gorda" e superfácil de fazer, hehe. Eu que agradeço a organização tão atenciosa das "Rs". Na próxima fase estaremos lá :-) Beijos!

    ResponderExcluir
  20. Oi, Adri! Ufa, cheguei aqui! São tantas e ótimas participações e estou indo por ordem, um pouquinho por dia para saborear com calma esta genial coletiva. Gostei muito do seu texto, fez-me lembrar a minha infância. Ao contrário de ti nunca consegui convencer a minha mãe a aventurar-me em tais voos, mas minha avó sim, era um amor e deixava tudo e eu adorava fazer aqueles pudins instantâneos cheios de corantes. Ainda bem que o nosso encanto culinário vai mudando, não é? O teu rocambole é um "pouquito" calórico, mas de vez em quando, porque não?O acrescento dos cereais, no improviso, para mim foi de mestra!
    Gostei por demais da sua participação!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  21. Há tempos vinha procurando essa receita :) lembranças de infância mesmo!!
    Prometo só fazer mais uma vezinha e jogar a receita fora também!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claudia, essa receita é um boicote a qualquer dieta! Rs. Mas é uma delícia, esconde das crianças, rsrs. Beijos.

      Excluir

O que achou da postagem? Tem mais alguma dica para passar? Ficou com dúvidas? O espaço dos comentários está aberto para todos trocarem uma ideia :)

Gerar PDF da postagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...