verificador pinterest Casa, Coisas e Sabores: Costelinha de porco com barbecue e batatas

quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Costelinha de porco com barbecue e batatas


Sabe aquela costelinha de porco que desmancha na boca, bem suculenta e saborosa, que você come no restaurante? Dá para fazer igualzinho em casa, juro! E, apesar de ser um pouco demorado, por causa da marinada e do cozimento lento, não é um preparo difícil. Vale a pena experimentar em uma ocasião especial, garanto que ninguém vai pensar duas vezes em trocar o restaurante pelo aconchego do lar. Para ficar completão, mostro também a receita de um molho barbecue delicioso e de batatas rústicas temperadas no capricho para acompanhar seu porquinho. Vem que vai ser sucesso!


A qualidade da carne influencia bastante no resultado, então escolha costelinhas bem carnudas e que tenham equilíbrio com a gordura. As que usei para fazer essa receita eram congeladas, fiquei com um pouco de receio de não ficar tão boa por causa disso, mas não fez diferença. O processo é um pouco demorado - começa no dia anterior -, mas não é difícil. Paciência é uma virtude nesse caso, mas mesmo quem não tem grandes habilidades na cozinha consegue preparar costelinha com barbecue de restaurante. E vale a espera, viu? Muito!

A não ser ser em casos de muita necessidade, rs, não abra mão de preparar o molho barbecue em casa. Faz toda a diferença! Mas ok se você quiser usar um molho pronto, é um preparo a menos e poupa um pouco de trabalho.

A receita também é à americana, meio agridoce. Limão, por exemplo, tão comum nas nossas receitas com porco, não chegou nem perto.

Costelinha de porco com barbecue e batatas
(Rende 3 porções)

Para a marinada
900 g de costela suína*
1 colher de sopa de sal
2 colheres de sopa de açúcar mascavo
1 colher de sopa de páprica picante
1 colher de sopa de tempero vinagrete seco (cebola, alho, salsinha)
1/2 colher de sopa de pimenta do reino moída
1 colher de sopa de mostarda amarela (usei dijon)
1 colher de sopa de fumaça líquida

Para o barbecue
1 xícara de catchup
1/2 xícara de água
1/3 de xícara de açúcar mascavo
2 colheres de sopa de melado de cana (mel de engenho)
2 colheres de sopa de vinagre de maçã
1 colher de sopa de molho inglês
1 colher de sopa de páprica picante
2 dentes de alho
1 pitada de pumpkin pie spice (opcional)**

Para as batatas
4 batatas médias
1/2 colher de sopa de pimenta caiena
2 colheres de sopa de azeite
Pimenta do reino e sal a gosto

*As costelinhas que comprei vinham limpas, com osso, e separadas uma a uma, não em uma peça inteira, mas estavam arrumadas na bandeja de modo que se encaixavam perfeitamente. Congeladas, formavam uma peça única.
**Esse é um tempero pronto em pó que ganhei à base de canela, cravo, gengibre, pimenta da jamaica e noz moscada. Dá para colocar pitadinhas das especiarias separadas ou, pelos menos, só canela.

Marinada: misture todos os ingredientes da marinada (menos a costelinha) em uma vasilha. Se a carne estiver em peça, coloque-a em uma assadeira - recomendo forrar com papel alumínio - e espalhe a pasta de temperos à mão por toda a carne (fiz assim, com a costela congelada ainda). Se as costelas forem separadas, colocar o tempero dentro de um saco plástico e chacoalhar com as costelas dentro pode ser uma boa ideia. Cubra a assadeira com mais papel alumínio e coloque na parte baixa da geladeira. Deixe de um dia para o outro, por 12 a 24 horas. Deixei por 14 horas. Nesse meio tempo, a carne, que estava congelada, descongelou.
A dica é levar as costelinhas ao forno, como mostro a seguir, e enquanto isso, preparar o molho barbecue.
Molho barbecue: junte todos os ingredientes em uma panela - o alho vai inteiro, sem casca, só levemente esmagado - e leve ao fogo médio, até ferver. Abaixe o fogo e vá mexendo, de quando em quando no começo e de quando em muito depois, deixando cozinhar por 20 minutos. Reserve.
No forno: passado o tempo de marinada, dê mais uma "alisada" na carne para espalhar bem os temperos. No meu caso, precisei mesmo fazer isso, pois c,om o descongelamento, as costelinhas separaram e pude espalhar melhor os temperos. Leve a assadeira, ainda coberta com o papel alumínio ao forno preaquecido a 170 º C - essa temperatura é um pouco menos da que se usa para assar bolo, por exemplo - por 1 hora e 30 minutos. Na metade desse tempo, dê uma olhadinha na carne, precisei jogar um pouco de água no fundo da assadeira, que tinha secado, para ajudar a continuar o vapor que cozinha o porquinho. Passado o tempo indicado, retire o papel alumínio que estava cobrindo, espalhe uma camada generosa de barbecue por cima das costelinhas, aumente a temperatura do forno para 200 º C e deixe por 20 minutos.
Batatas: lave bem as batatas com uma escovinha. Corte-as, com casca e tudo, em fatias grossas, pelo comprimento. Leve para cozinhar em água fervente por uns 10 minutos, não deixe ficar muito macia, deve ficar al dente. Coloque as batatas em uma vasilha, espalhe os temperos por cima, incluindo 1 colher de azeite, e misture. Doure as batatas em uma frigideira untada com a colher de azeite restante, até que elas fiquem macias.
Sirva as costelinhas com as batatas e com o molho barbecue que tiver sobrado à parte.


Fiz com uma quantidade pequena de costela suína, nada impede de aumentar a receita para a galera. Quanto mais carne, maior será o tempo de forno, mas é só tomar conta que dá tudo certo. Para ter uma ideia, com 3 quilos de costelinha, vão de 2 horas a 2 horas e meia com papel alumínio e mais 20 a 30 minutos com o barbecue.
Confira o post original publicado pelo Casa, Coisas e Sabores: Costelinha de porco com barbecue e batatas.

A receita original que serviu de base, com acréscimos e retiradas de coisas que eu não tinha, é ESSA aqui, em inglês.

Se você gostou dessa postagem e achou o conteúdo relevante - portanto, que pode ser aproveitado por outras pessoas que estejam procurando sobre esse assunto -, mostre sua recomendação clicando no botão igual a este   localizado no final da postagem

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que achou da postagem? Tem mais alguma dica para passar? Ficou com dúvidas? O espaço dos comentários está aberto para todos trocarem uma ideia :)

Gerar PDF da postagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...