verificador pinterest Casa, Coisas e Sabores: Comida de folia: é bruschetta no Carnaval!

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

Comida de folia: é bruschetta no Carnaval!



A-la-la-ô... ohhh... ohhh... mas que preguiça de fazer comida! Já vamos entrando, devagarinho, em ritmo de Carnaval. E também já sabemos que, mesmo que a gente goste muito de cozinhar, nesta época queremos mais é aproveitar o feriado e não ter muito trabalho, principalmente se for o caso de uma estadia na casa de praia. É para você, folião amigo, que tenho uma receita curinga: bruschetta! É fácil e rápido de fazer, dá para preparar um montão de uma vez e sua reputação gourmet continuará preservada, rs. Só não conta que você levou uns minutinhos para preparar. Bruschetta simples, com poucos e bons ingredientes, é tudo de que você precisará para fazer uma refeição rápida e leve, alimentar os seus, e partir para a folia! Ah, e preciso dizer que é muito, muito gostosa! Veja como preparar.

Pão, alho, tomate e azeite. O que vier se juntar a esse grupo é para dar um sabor a mais, e os itens podem variar. Abra a despensa e veja o que tem: conservas - que já garantem o salzinho -, ervas secas, pimentas, queijo... isso agrega valor a esse camarote de Carnaval. Na teoria, fazer bruschetta é facílimo, mas existe o jeito tradicional de preparar que garante um melhor resultado no final. O pão da bruschetta não é uma torrada, acho que esse é o erro mais comum de quem vai fazer bruschetta sem atentar para a técnica. Claro que, quanto ao sabor, isso não causará a destruição do seu prato, mas estamos aqui para aprender a fazer certinho, mesmo entre um bloco e outro, rs.

Bruschetta simples
(porção para 2 - multiplique o quanto quiser!)

2 fatias de pão italiano (entre 1 e  2 cm de largura)
1 tomate cortado em cubinhos
1 colher de sopa de molho pesto de manjericão (dá para usar folhas de manjericão picadas)
1 dente de alho
Sal e pimenta do reino
Azeite

Tire as sementes do tomate e corte em cubinhos. Misture o tomate com o molho pesto, sal (usei flor de sal - sal grosso ou marinho fica bom, ou use sal comum, claro) e pimenta do reino. Regue com um pouco de azeite, misture e reserve. Unte uma frigideira ou chapa com um fio de azeite, em fogo médio. Coloque as fatias de pão na frigideira, quando vir que as bordinhas de baixo douraram, vire e deixe tostar do outro lado, até as bordinhas tostarem também. Corte o dente de alho no meio e esfregue-o na superfície da fatia de pão que vai receber a cobertura. Disponha a mistura de tomate sobre as fatias, salpique mais pimenta do reino, regue com mais azeite e tá pronto.

Pode finalizar também com parmesão ralado e levar ao forno alto rapidamente, só para derreter um pouco o queijo. Se tiver maçarico culinário, dispense o forno e dê uma boa chamuscada no queijo. Amodoro bruschetta, se não tinha ficado claro até agora, gostaria de ressaltar.



O pão italiano dá umas fatias grandes. Uma só, acompanhada de saladinha, dá uma refeição! A espessura das fatias de pão conta muito. Fina demais, fica quebradiça. Se muito grossa, o cidadão fica com dificuldades para morder. Não tem pão italiano? Pão francês dormido/amanhecido, cortado na diagonal para obter fatias grandes, são um bom quebra-galho para essa receita, fica gostoso também. Aliás, fora o italiano, qualquer tipo de pão que tenha miolo mais firme e casca grossa fica bem.

Fiz bruschettas em outra ocasião e, daquela vez, misturei pedacinhos da casca do limão em conserva com os pedaços de tomate. Você não faz a menor ideia de como ficou bom! Clique aqui e veja como fazer a conserva marroquina de limão siciliano.

Confira o post original publicado pelo Casa, Coisas e Sabores: Comida de folia: é bruschetta no Carnaval!

Se você gostou dessa postagem e achou o conteúdo relevante - portanto, que pode ser aproveitado por outras pessoas que estejam procurando sobre esse assunto -, mostre sua recomendação clicando no botão igual a este   localizado no final da postagem

----------------------------------------

Nem tem muito receita original, mas aprendi o jeito certo de preparar com o livro Culinária Italiana (Publifolha, 2012) e com minha guru gaúcha da comida italiana, a Carla do Cucina Artusiana.

2 comentários:

  1. Um prato tri bom e rapidinho! Faz bem! bjs, chica e bom carnaval!

    ResponderExcluir
  2. coisas rápidas faceis e saborosas é o que eu gosto, ótimo aspeto.


    www.ocantinhodosgulosos.blogspot.pt

    ResponderExcluir

O que achou da postagem? Tem mais alguma dica para passar? Ficou com dúvidas? O espaço dos comentários está aberto para todos trocarem uma ideia :)

Gerar PDF da postagem

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...